Publicado em 3/10/2008 as 12:00am

Loteria de vistos é reaberta

O governo americano acaba de abrir o programa de Loteria de Vistos, que anualmente distribui 50 mil vistos, com o objetivo de diversificar a população e permitir que imigrantes de todas as partes do mundo obtenham residência permanente

Por Phidias Barbosa          


            O governo americano acaba de abrir o programa de Loteria de Vistos, que anualmente distribui 50 mil vistos, com o objetivo de diversificar a população e permitir que imigrantes de todas as partes do mundo obtenham residência permanente.

            A participação na loteria é gratuita e a solicitação só pode ser feita online. Neste sentido, um comunicado do Departamento de Estado (DOE) alertou, no dia 1 de Outubro, Quarta, que os que aspiram à residência não devem se deixar enganar por páginas de Internet fraudulentas que se apresentam como locais oficiais do governo americano e que solicitam dinheiro para completar a “application”. Não existe nenhuma cobrança para preencher a planilha eletrônica do programa.

            Algumas organizações pró-imigrantes, sem fins lucrativos, têm denunciado situações nas quais pessoas inescrupulosas exigem pagamento para preencher a planilha ou prometem residência aos imigrantes desavisados.

            Os ganhadores dos vistos selecionados, saberão de sua sorte no mês de Março de 2009, através de um sistema computadorizado e nos meses subsequentes serão notificados com uma carta, que lhes será enviada pelo Centro Consular de Kentucky.

            Nem todos são qualificados para participar na Loteria, específicamente os nascidos em países que tenham enviado mais de 50 mil imigrantes aos Estados Unidos nos últimos cinco anos.

            Brasil, Colombia, República Dominicana, Equador, El Salvador, Guatemala, Haití, Jamaica, México e Perú, infelizmente para milhares de pretendentes, faz parte da lista “negra”. Ou seja, brazilino, tire o cavalinho da chuva porque esse ano não haverá loteria para você. Não se deixe enganar pelos inescrupulosos que tentarão arrancar dólares de seu bolso. O Brasil está de fora!!

            Nem podem participar cidadãos do Canadá, da India, China, Paquistão, Filipinas, Polônia, Coréia do Sul, Reino Unido (com exceção da Irlanda do Norte) e Vietnam.

            As pessoas nascidas em Hong Kong, Macau e Taiwan são qualificáveis, assim como Russia e Kosovo. O prazo de inscrição começou ontem (Quinta) ao meio dia e termina dia primeiro de dezembro, também às 12 PM.

Fonte: (ANBT - Agência de Notícias Brazilian Times - Flórida)