Publicado em 16/01/2009 as 12:00am

Janet Napolitano pode ser nomeada para o Homeland Security

Janet Napolitano é a escolha do presidente eleito Barack Obama para secretariar o Departamento de Homeland Security. Ela afirmou a um painel no Congresso que o conserto do sistema de imigração americano é sua prioridade

Janet Napolitano é a escolha do presidente eleito Barack Obama para secretariar o Departamento de Homeland Security. Ontem (15), pela manhã, ela afirmou a um painel no Congresso que o conserto do sistema de imigração americano é sua prioridade.

Como governadora do Arizona, um estado de fronteira, ela várias vezes teve que acionar a Guarda Nacional para ajudar na segurança da fronteira com o México e ainda mandou a conta ao Governo Federal por serviços prestados a indocumentados pelo estado do Arizona.

“Eu caminhei, voei e cavalguei ao longo de nossa fronteira”, ela disse ao Comitê que decidirá por sua nomeação. “Adoro ver quão enorme é a fronteira, assim como compreendo a gravidade das consequências que enfrentamos num sistema imigratório completamente falido”, ela disse, corajosamente.

Janet Napolitano tem 51 anos de idade e faz parte integral dos planos de Barack Obama para dar um atendimento mais considerável aos problemas imigratórios, bem como apresentar melhores oportunidades para trabalhadores estrangeiros. Ela disse que começaria logo trabalhando com o Departamento de Justiça e Promotores e Legisladores em todo o país para assegurar que empregadores que contratam trabalhadores ilegais sejam sancionados.

“É preciso trabalhar apropriadamente”, disse em resposta a uma pergunta do Senador Claire McCaskill, D- Missouri. Disse também que trabalharia com o Secretário de Defesa Robert Gates para ver se existirá ou não um papel de continuidade para a Guarda Nacional, no sentido de aumentar as forças na fronteira.

 

Suporte Bipartidário

Felizmente, ela tem apoio dos dois partidos. Joe Lieberman, um político independente de Connecticut e que é líder do painel, disse, logo depois que o encontro terminou que “Ficaria muito orgulhoso pela sua nomeação para esse cargo”. Susan Collins, do Maine, disse que espera que o governo tenha uma longa e produtiva experiência com ela à frente do Departamento. É possível que sua nomeação seja aceita pelo Senado ainda antes da posse de Obama, marcada para dia 20 de Janeiro próximo.

Se confirmada, ela ficará encarregada de um setor com 5 anos de existência e 218 mil empregados, cujas atividades incluem segurança dos aeroportos e do presidente do país, ajuda a vitimas de flagelos diversos e controle da imigração. 

As dificuldades em gerenciar uma organização desse porte, que foi criada a partir de 22 agências, passou a ser evidente na resposta bem lenta aos problemas gerados pelo Furacão Katrina, alguns consertos realizados em furos na Guarda Costeira e um sistema que funciona muito mal na tentativa de capturar imigrantes ilegais na fronteira.

Como governadora do Arizona, Janet tem experiência na linha de frente em diversos alvos desafiadores, como imigração ilegal e segurança da fronteira. O Brazilian Times apóia a escolha do Presidente Barack Obama e espera que Ms. Napolitano seja de fato nomeada para o departamento. Afinal, faltam mesmo mulheres líderes nesse país, e com a nomeação de Hillary Clinton, já serão duas senhoras de respeito para lidar com problemas nos quais muitos homens têm falhado.

 

Fonte: (Bloomberg New York e Arizona News)