Publicado em 19/01/2009 as 12:00am

Imigrante morto na prisão da Imigração

Um promotor federal está investigando a participação de funcionários do centro de detenção de Central Falls na morte de um dos presos. Eles poderão ser acusados de criminosos.

Um promotor federal está investigando a participação de funcionários do centro de detenção de Central Falls na morte de um dos presos. Eles poderão ser acusados de criminosos. No sábado passado, 17, o Providence Journal apresentou uma reportagem na qual o promotor, que seria do estado do Maine, investiga a ocorrência, na medida em que o promotor de Rhode Island recusou-se a trabalhar nela, para não causar conflito de interesses. 

Na Quinta, 15, o ICE cancelou o contrato que tinha com a Donald W. Wyatt Detention Facility, após uma investigação mostrar que Hiu Lui Ng, morto em 2008, não teve permitido o uso de uma cadeira de rodas e que havia falhas na comunicação entre funcionários da saúde e funcionários administrativos. O imigrante, de origem chinesa tinha sido acusado de permanecer no país além do tempo previsto em seu visto e morreu de câncer sob os cuidados daquele Centro.  Imediatamente após a morte do chinês, o ICE retirou 153 dos imigrantes detidos naquele prédio. A família de Hiu Li afirma que lhe foi negado o tratamento médico correto.

Fonte: (Da redação)