Publicado em 24/08/2009 as 12:00am

Empresa oferece Green Cards para imigrantes investidores

A empresa imobiliária Century Homebuilders, da Flórida, lança projeto que permite que investidores estrangeiros, com projetos de $500.000 a $1 milhão, possam aplicar para um visto de residência para suas famílias

 

Na tentativa de angariar $50 milhões em um projeto em Doral – FL, uma empresa do ramo imobiliário na Flórida está lançando um programa , em parceria com o governo, que oferece Green Cards para investidores estrangeiros que investirem no país.

O visto EB-5, visa abrir o caminho da residência permanente e da cidadania para estrangeiros e suas famílias que investirem de $500.000 a $1 milhão em um negócio que gere ao menos 10 novos postos de trabalho no setor.

Em março, o Departamento de Cidadania e Imigração incluiu algumas cidades da Flórida, em um programa piloto que dá a oportunidade para esses investidores. Os aplicantes devem demonstrar que ao menos 10 empregos diretos foram criados como resultado das suas iniciativas empreendedoras.

A empresa Century Homebuilders, que anunciou o plano na terça – feira (18), está apostando que o projeto beneficiará ao menos 100 investidores internacionais de várias partes do mundo, gerando os $50 milhões, que serão utilizados para finalizar um projeto em Doral – FL.

“ Não estamos vendendo vistos aqui” afirma Sérgio Pino, presidente e chefe executivo da Century Homebuilders. “ Nós estamos oferecendo o verdadeiro negócio. Na pior das hipóteses, esse projeto vai render muito dinheiro” completou.

Ele ainda disse que a companhia começou a explorar a idéia de lançar um visto para investidores 6 meses atrás. Desde então, as condições financeiras pioraram, o que cortou o crédito das construtoras, por conta da crise no mercado imobiliário.

Alguns advogados de imigração alertam que investidores imigrantes devem ficar atentos sobre a situação do mercado, antes de realizarem qualquer investimento que possa frustar as suas expectativas. Além do dinheiro que irá ser gerado e de mais uma oportunidade dos imigrantes serem absorvidos pelo país, outro fator positivo será a geração de novos empregos, com estimativa mínima de 1.300 novos empregos em seis meses de execução da medida

O projeto ainda não está totalmente aprovado. Ele ainda precisa da aprovação do Departamento de Cidadania e Imigração, em um processo que durará por volta de 6 meses.

Fonte: (Da redação)