Publicado em 18/09/2009 as 12:00am

Cerca da Fronteira vai custar mais de 6 bilhões de dólares

Afinal, o imigrante ilegal deseja uma anistia ampla, geral e irrestrita, para que possa viver o sonho americano e melhorar de vida

  

Segundo dados de uma auditoria da admnistração Obama, a manutenção da cerca ao longo da fronteira com o México vai custar $6.5 bilhões de dólares aos bolsos dos contribuintes. Porém, no momento em que a ficha do governo cai, também cai a realidade do custo ao longo dos anos.

E ninguém, repito, ninguém tem como avaliar se esse investimento vai ajudar a controlar a entrada de imigrantes ilegais no país e nem que esse custo vai permanecer na casa dos 6 bi para mais. Se formos usar as palavras do grande orador Brian Tracy, vamos descobrir que ele sempre adiciona as leis de Murphy em suas palestras, nesse caso vamos refrescar a cabeça do leitor: Tudo custa muito mais do que o planejado.
O custo de 6.5 bilhões foi adicionado ao que já se gastou, ou seja, 2.4 bi para se construir pouco mais de 600 milhas de cerca na fronteira, no sudoeste americano.
Desde maio desse ano, já foram registradas 3363 partes  arrebentadas e destruidas, para dar passagem aos trabalhadores do tempo. O imigrante e seus coiotes já sabem que tipo de ferramentas precisam usar para "furar" a passagem.


A obra da cerca é idéia da administração Bush, uma iniciativa que ainda não decolou completamente e onde os gastos e atrasos fizeram aumentar o custo inicial em quase 5 vezes.

E a parte tecnológica, aquela que iriam colocar segurança virtual ainda está no papel, totalmente atrasada. Só um pedacinho do Arizona conseguiu a virtual até agora.

Um deputado democrata, Bennie Thompson, diretor do comitê da Segurança Territorial (Homeland Security) disse que a cerca é um "sério desafio" o qual Obama herdou de seu antecessor e uma "batata quente" a ser esfriada com novos planos, que começaram a ser discutidos ontem (Quinta, 17).

Dependendo do orçamento, planeja-se que todo o sudoeste será cercado por cerca física e tecnológica até 2014, exceto as 200 milhas em volta do Big Bend National Park no Texas.

Se você, leitor, tiver paciência e anotar direitinho em seu calendário, escreva nele o que esse redator tem para dizer: A cerca só ficará pronta em 2020 e mesmo assim a um custo de 15 bilhões de dólares. E olha que sou um otimista!

Dá até para culpar os mexicanos pelo fechamento total da fronteira, mas não podemos deixar de admitir que eles são bem criativos. Há pouco tempo, 6 rapazes de Tijuana foram presos...vendendo pedaços da cerca como ferro velho.

Fonte: (Tradução - Phydias Barbosa)