Publicado em 21/04/2010 as 12:00am

Telemundo lança programa voltado para a Imigração

A Telemundo, uma rede de televisão de língua espanhola, deu uma grande cartada no domingo (18). A emissora lançou em sua grade de programação um dominical voltado para as questões imigratória nos Estados Unidos.

 

A Telemundo, uma rede de televisão de língua espanhola, deu uma grande cartada no domingo (18). A emissora lançou em sua grade de programação um dominical voltado para as questões imigratória nos Estados Unidos. O programa tem como base uma mesa redonda e os convidados respondem às perguntas formuladas pelo âncora e discutem assuntos relacionados à Imigração.

Durante o programa, o âncora Jose Diaz-Balart repreendeu o presidente Barack Obama por não cumprir a promessa feita durante a campanha presidencial em 2008, quando ele assumiu o compromisso de implantar uma proposta de reforma imigratória. “A palavra é importante e não estamos vendo isso no governo Obama”, disse ele.

Jose Diaz-Balart é irmão de Linconl e Mario, ambos são deputados republicanos representantes da Flórida. Eles fazem parte de uma família cubano-americana proeminente nos Estados Unidos. Rafale, o patriarca, foi o primeiro líder da oposição a Fidel Castro e a tia Mirta foi a primeira mulher de Fidel.

O programa, intitulado “Enfoque” (Focus), em sua primeira edição deu espaço para discutir a reforma imigratória, e não deixou dúvidas de que será uma bandeira dos imigrantes na busca pela aprovação do projeto.

Neste primeiro programa, Diaz-Balart entrevistou o líder latino-americano em Maryland, Gustavo Torres, o qual deu destaque para a marcha que aconteceu em Washington no dia 21 de março passado. “Com certeza foi uma das maiores formas dos imigrantes mostrarem aos líderes políticos deste país a força que têm”, comentou.

Ele salientou, ainda, que se um projeto para a reforma nas leis de imigração não forem introduzidas até final de abril, a comunidade latina fará uma pressão ainda maior. “De uma maneira ordeira vamos fortalecer nossa luta e mostrar que sem os imigrantes o país quebra’, continuou.

Outro convidado deste programa foi a ativista na área de imigração e vice-presidente do Conselho Nacional de La Raza, Cecília Munoz, a qual trabalha na Casa Branca. Diante das perguntas repetidas feitas por Diaz-Balart sobre a reforma imigratória na administração de Obama, ela disse que o governo está intensificando as investigações aos empregadores que contratam indocumentados ao invés dos próprios trabalhadores. “Sabemos que a lei está defasada e precisamos mudar isso e o presidente Obama tem ciência”, conclui.

O programa irá ao ar todas as manhãs de domingo através da Telemundo e na lista de convidados está o temido xerife Jose Arpaio.

Fonte: (Da redação)