Publicado em 24/01/2012 as 12:00am

Imigração anuncia construção de posto avançado na Fronteira

O governo dos Estados Unidos anunciou, na sexta-feira (20), que está construindo um posto avançado no Novo México

O governo dos Estados Unidos anunciou, na sexta-feira (20), que está construindo um posto avançado no Novo México, região onde é grande o fluxo da imigração ilegal através de túneis subterrâneos. O local é uma área isolada, sem estradas pavimentadas, sinais de linhas telefônicas e fiscalizações.

Depois que o patrulhamento foi intensificado em regiões consideradas fortes rotas para a imigração ilegal, os contrabandistas se viram obrigados a encontrar outros caminhos para dar sequência nas travessias de imigrantes. A região de Bootheel foi uma destes novos rumos encontrados por eles, devido a baixa fiscalização e o fato do local ser praticamente deserto.

Segundo o anúncio feito pelas autoridades, este novo posto dará à região 24 horas de monitoramento pela primeira vez na história. Além de ajudar os agentes de patrulha a responderem rapidamente no combate à imigração ilegal.

Neste novo posto haverá um heliporto, currais para cavalos, postos de monitoramento e alojamentos capazes de abrigar de 15 a 20 agentes federais. Esta construção será iniciada imediatamente e deverá levar de quatro a seis meses para ficar pronta. O local onde serão construídas as instalações foi arrendado, mas as autoridades não divulgaram os valores gastos e quais os custos finais desta obra.

Segundo dados do Departamento de Segurança Interna dos Estados Unidos (DHS, sigla em inglês), no ano passado foram efetuadas 6.900 prisões ao longo da fronteira do Novo México. Uma grande parte foi oriunda da região de Bootheel.

Fonte: (Texto por Luciano Sodré)

Top News