Publicado em 17/02/2012 as 12:00am

Imigrantes obtém um terço das novas vagas de emprego nos EUA

A informação se torna ainda mais surpreendente ao se considerar que os imigrantes correspondem a apenas 15% da população dos EUA

Para cada três novos postos de trabalho gerados nos EUA no ano passado, pelo menos um foi obtido por um trabalhador imigrante.

A informação se torna ainda mais surpreendente ao se considerar que os imigrantes correspondem a apenas 15% da população dos EUA. Uma possível explicação é o fato de que boa parte deles buscarem ocupação no setor de serviços, justamente o mais dinâmico na geração de empregos nesse período.

A economia americana criou no ano passado 1,6 milhão de empregos, bem acima dos 940 mil criados em 2010. O índice de desemprego teve média de 8,9% em 2011, sinalizando melhora em relação aos 9,6% do ano anterior.

Já o número de desempregados caiu para 12,8 milhões, o menor contingente em três anos.

Estudo do Texas revela que Imigração tem impacto positivo sobre a Economia

A concessão de “status” legal aos imigrantes indocumentados que vivem em uma das maiores áreas metropolitanas do Texas geraria cerca de 1,4 bilhões de dólares, por ano, em receitas e tributos para os cofres públicos, tanto estadual quanto federal.  Esta análise foi divulgada por um grupo empresarial de Houston.

O relatório desenvolvido a partir da necessidade de mostrar para as autoridades a importância da reforma nas leis de imigração na economia do país. Para o presidente do The Greater Houston Partnership, Jeff Moseley, o atual momento é o mais propício para abrir caminho para a legalização. “Imagine se os milhões de indocumentados pagassem seus impostos, o quanto isso não significaria em receitas para o Estado e para o país”, indaga.

Fonte: (da redação)