Publicado em 15/07/2013 as 12:00am

Uma nova visão sobre imigração nos Estados Unidos

Uma nova visão sobre imigração nos Estados Unidos

 
By: Jacqueline Mene Lopes

Um projeto de lei para ajudar imigrantes, está sendo discutido na câmera dos deputados nos Estados Unidos. Esse projeto de lei que acabou de ser votado pelo senado dos Estados Unidos,  irá legalizar a situação de muitos estrangeiros nos país.  
Os indivíduos que estão residindo nos Estados Unidos antes  do dia 31 de dezembro de 2011 que não cometeram nem um crime grave ou mais de três contravenções penais serão elegíveis a este benefício. Além disto também é necessário  demostrar que tem um trabalho constate. Assim, pagando uma taxa para o governo de $500 dólares e se o governo  aceitar  a aplicação,  o individuo irá receber um status de permanência provisória por seis anos, sem nem um risco de deportação.
Esse projeto de lei não ajuda ou protege indivíduos que já tenham sido deportados anteriormente. Mas há uma exceção, mesmo se o indivíduo já foi deportado o mesmo pode aplicar se os país ou os filhos são residentes permanentes ou cidadãos.
Após os seis anos com a residência provisória, é necessário renovar essa documentação. Para a renovação o individuo  deve comprovar que esteve trabalhando e deve estar com a ficha criminal limpa. Pagando mais uma taxa de $500 dólares, o status do estrangeiro vai ser estendido por mais quarto anos.
Passando os quarto anos, ou dez anos do primeiro passo, o indivíduo pode aplicar para receber uma permissão de residência  permanente (Green Card) nos Estados Unidos. Contanto que as mesma condições ditas anteriormente continuem estáveis, e que o imigrante tenha ciência sobre os seus direitos Americanos e saiba inglês. Pagando a última taxa de 1.000 dólares e sendo aceita a aplicação o mesmo virara cidadão Americano.
A última exceção são aqueles que entraram nos Estados Unidos antes do dia 31 de dezembro de 2011 , cujo a idade na época era menor de 16 anos e já tenha se formado no colegial e morado nos Estados Unidos por cinco anos. As condições que a lei da para que essa pessoa consiga virar residente permanente nos Estados Unidos, são: o indivíduo tem que completar dois anos de faculdade ou servir dois anos no exército. Comprovando um desses fatores em cinco anos é possível adquirir um estado legal de permanência nos Estados Unidos.
Para aqueles interessados em obter mais informacoes sobre o projeto da nova lei, ou qualquer outro assunto legal, seja sobre imigracao, criminal, causas trabalhistas, responsabilidade civil, familia ou acidentes, o nosso escritorio recebe clientes de segunda a sexta-feira para consultas individuais sem custo no 2 Center Plaza, suite 550, Boston, MA, 02108. Para fazer um agendamento ligue para (617) 742-8161 ou (617) 413-1244.

Fonte: Brazilian Times