Publicado em 24/07/2013 as 12:00am

Dia de palestra em Lowell (MA) orienta brasileiros sobre imigração

Dia de palestra em Lowell (MA) orienta brasileiros sobre imigração

da redação

Aconteceu no sábado (20) uma palestra ministrada pelo advogado Danilo Brack, sobre Imigração, Direito Familiar, Criminal e Geral. O evento que aconteceu na cidade de Lowell (Massachusetts) reuniu muitos brasileiros que estavam ansiosos para tirar dúvidas sobre os assuntos citados.

O advogado disse que o evento surtiu os efeitos desejados e quem esteve presente pode aprender sobre vários assuntos. Algumas pessoas dirigiram por cerca de uma hora e meia para participar das palestras. Além de Danilo Brack, o evento contou com Daniel Vieira, da JJD Tax Center de Peabody, o qual esclareceu algumas duvidas sobre impostos e outras taxas cobradas pelo governo.

A palestra que durou uma três horas e 15 minutos, sem intervalo, teve até a presença de um cliente de Danilo Brack, que conseguiu obter o seu Green Card recentemente. “Isso mostra que mesmo depois de estar legal no país, os brasileiros devem continuar buscando informação sobre leis e como viver legalmente nos Estados Unidos”, acrescentou o advogado ressaltando que um de seus clientes que está em processo de deportação também foi ao evento.

O advogado iniciou a palestra com um esclarecimento sobre jurisdição em direito imigratório (DHS contra DOJ – corte de imigração). Ele falou das subagências do DHS e suas funções que mais afetam a comunidade imigrante. Também ministrou sobre os benefícios, riscos e consequências do DACA.

Danilo Brack falou também dos riscos e deu a sua opinião sobre o I-601A, que foi introduzida dia 04 de março deste ano. “Muitos colegas, infelizes e acredito incompetentementes, estão requerendo este process sob um risco absurdamente alto para o imigrantes”, explica.

Durante a palestra também foram derrubados vários mitos sobre imigração. Entre eles, a “lei dos dez anos”, que segundo o advogado “não existe”. Outros assuntos abordados por Danilo fora, CWOF (probation) em corte criminal, DACA para pessoas que entraram após 15 de junho de 2007 ou já com 16 anos de idade.

Danilo também falou sobre o uso de documentação falsa, incluindo que documentação verdadeira obtida sob falso pretensos. “Isso também é um crime e seu impacto pode afetar uma legalização”, disse.

Por fim, a palestra chegou onde todos estavam esperando, que era a avaliação da atual proposta de Reforma Imigratória, o SB744. Danilo comentou sobre os items do projeto atualmente publicados. Ele deixou claro que o imigrante deveria se preparar para qualquer tipo de reforma.

O advogado abordou, ainda, um esboço sobre as situações criminais mais comuns entre os imigrantes que afetam os benefícios imigratórios. Ele afirmou que existem situação em divórcio e “child support” que têm impacto negativo em legalizações.

“Avaliamos, sob a proposta SB744, o que aconteceria com o imigrante que entrou pelo México e casado com cidadão dos Estados Unidos. Existe uma parte que ninguém identificou ainda que favorece essa pessoa muito”, acrescentou.

No final de sua palestra, o advogado abordou questões relacionadas ao uso de “driver´s license” de outros estados em Massachusetts, a exclusão em aeroporto e reentrada no país pelo México. Ele falou da necessidade de contratação de profissionais conhecedores de imigração para escritórios e entidades que atuam na área.

“Existem vários exemplos de casos em nosso escritório, onde profissionais e não-profissionais cometeram erros que agora atrasam uma legalização e multiplicam o custo”, explica.

Após a palestra, as pessoas participaram de um café, trocaram experiências e falaram o que aprenderam. “Acho que conseguimos, pelo menos, conscientizar as pessoas da seriedade de tudo que fazem e de contratar um profissional capaz pra representá-los, mesmo que não seja nós”, finalizou o advogado.

Fonte: Brazilian Times