Publicado em 9/07/2014 as 12:00am

Uruguaio é preso nos EUA após visto vencer por apenas 30 minutos

Diego Simonassi foi preso após agentes constatarem que seu visto estava vencido havia 30 minutos

Um uruguaio que passou seis meses viajando pelos EUA foi preso em Tacoma, em Washington, após apresentar seu visto que havia vencido há 30 minutos.

Diego Simonassi tentava entrar no Canadá quando foi recusado em Peach Arch, onde os dois países fazem fronteira, por não ter um visto válido para cruzar até a outra nação.

Às 0h30, Simonassi voltou e pediu ajuda para ao Serviço de Imigração e Controle de Alfândega dos EUA e, em vez de resolverem a situação, os agentes prenderam o uruguaio, e o levaram para o Centro de Detenção Northwest, na cidade de Tacoma, onde permanece detido.

Steve Tanjo, advogado que atua no setor de imigração, definiu a situação como “ridícula” em entrevista à emissora de TV “KOMO”.

A audiência para estabelecimento de fiança está marcada para daqui duas semanas, e a data da apelação para que o caso seja arquivado ainda não foi definida.

Fonte: Redação Brazilian Times