Publicado em 1/06/2015 as 12:00am

Imigrantes são orientados sobre como se qualificar para Daca/Dapa

A clínica de atendimento foi promovida pela Mayor´s Office New Bostonians em parceria com entidades ligadas a imigrantes.

Centenas de imigrantes comparecem no último sábado ao atendimento gratuito “Alívio Imigratório Daca/Dapa”, na Mario Umana Academy (East Boston). O objetivo foi conferir se estão aptos a se qualificar para o Daca (Ação Deferida para os que Chegaram na Infância) e o Dapa (Ação Deferida para Pais), que são ordens executivas do presidente Barack Obama para regularizar a situação de cerca de 5 milhões de imigrantes que vivem e trabalham nos EUA. Até a semana passada, as ordens continuavam bloqueadas, aguardando decisões de órgãos da justiça americana.

A clínica de atendimento foi promovida pela Mayor´s Office New Bostonians em parceria com entidades ligadas a imigrantes.

Segundo a comissão que organizou o evento, a maioria dos atendimentos foi prestado a hispânicos, seguido de brasileiros e outras nacionalidades. Todos marcaram o apontamento com antecedência e foram atendidos conforme a ordem de chegada.

Ao comparecer a Maria Umana Academy, a pessoa inscrita passava pela recepção para confirmar seus dados e receber uma pasta com papéis de orientação. Depois era encaminhada para uma mini palestra, com mais detalhes e esclarecimento de dúvidas. Por último, recebia o atendimento individual, com um advogado ou agente social.

De acordo com Eliza Sparkes, membro da comissão organizadora, cerca 150 voluntários de organizações para imigrantes, estudantes de leis, profissionais ligados ao trabalho social, advogados e intérpretes prestaram o atendimento, das 10 am às 4 pm.

A maior parte dos imigrantes que procuraram as orientações é de East Boston, Chelsea, Revere, Everett, Lynn, Dorchester, Lawrence e Cape Cod.

Para Natalícia Tracy, do Centro do Imigrante Brasileiro, eventos como este são muito importantes, pois esclarecem às pessoas seus direitos. “O que precisamos realmente é uma verdadeira reforma imigratória para que os imigrantes tenham carteira de motorista e documentos para viver e trabalhar de forma legalizada”, disse.


Entidades apoiaram o evento

Diversas entidades apoiaram o evento “Alívio Imigratório Dapa/Daca” realizado no último sábado. Além do atendimento para esclarecer dúvidas sobre qualificação para receber o benefício das ordens executivas, as pessoas inscritas puderam passar em estações montadas pelas entidades.

Uma delas era a mesa do Consulado Geral do Brasil em Boston, que distribuiu panfletos com dicas sobre documentos e serviços prestados.

Outra estação era do MAPS (Massachussetts Alliance of Portuguese Speakers), que entregou preservativos e tirou dúvidas dos interessados sobre Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST´s).

Também marcaram presença representantes do “Grupo Mulher Brasileira”, que ficaram disponíveis para dar explicações sobre o trabalho da entidade, além de distribuir fichas para a inscrição de novas sócias.

Fonte: Da Redação do Brazilian Times | Texto de Fabiano Ferreira