Publicado em 4/12/2015 as 12:00am

Senador usa termo "imigrantes ilegais" para irritar ativistas

No "O Território Selvagem", Chuck Schumer compartilha com o Senador Marco Rubio (R-FL) o mesmo desdém pelos ativistas radicais defensores dos imigrantes

O Senador Chuck Schumer (D-NY) teria usado intencionalmente a expressão “imigrante ilegal” atrás de portas fechadas porque sabia que isso irritaria os ativistas defensores dos direitos dos imigrantes. A alegação foi feita por um livro lançado recentemente.

O autor McKay Coppins escreveu em seu novo livro: “O Território Selvagem”, que o legislador democrata compartilhava com o Senador Marco Rubio (R-FL) o mesmo desdém pelos ativistas radicais. Uma forma que Schumer encontrava para se vingar era a utilização do termo que é criticado amplamente pelos ativistas, segundo o livro.

“Em privado, Schumer geralmente se gabava de o quanto ele utilizou maliciosamente o termo ‘imigrante ilegal’, mesmo com a oposição dos progressistas, que preferem adjetivos mais suáveis, como ‘indocumentado’, simplesmente porque ele sabia que isso os irritava”, cita a publicação.

O porta-voz de Schumer evitou comentar o livro ao website TheBlaze.

A revelação é a única que está documentada no “O Território Selvagem: Dentro da missão disputada, agressiva e caótica do Partido Republicano para conquistar de volta a Casa Branca”. O livro, lançado no início dessa semana, retrata as novas estrelas do Partido Republicano (GOP).

Fonte: Brazilian Times