Publicado em 27/04/2016 as 4:00pm

Aumenta número de imigrantes na fronteira dos EUA com o México

O número de detidos em dezembro disparou, inclusive, acima dos altos níveis prévios à crise

O número de imigrantes ilegais detidos na fronteira sudoeste dos Estados Unidos nos primeiros meses de 2016 aumentou em relação ao mesmo período do ano passado, segundo informações da patrulha de fronteira entregues nesta segunda-feira à AFP.

As autoridades dos EUA detiveram em março 33.335 imigrantes clandestinos ao longo da fronteira com o México, o que representa um incremento de 11% em relação ao mesmo período de 2015.

O comportamento das detenções de imigrantes ilegais em outubro e novembro passados foi similar ao mesmo período de 2013, quando começou a escalada migratória, especialmente de crianças sem os pais, o que comoveu os EUA e obrigou o governo a decretar medidas de emergência em meados de 2014.

O número de detidos em dezembro disparou, inclusive, acima dos altos níveis prévios à crise, antes de cair em janeiro, devido ao rigor do inverno, que dificulta a passagem pela fronteira.

Mas a onda migratória tem aumentando mês a mês desde o início de 2016 e as detenções cresceram 28% em relação a fevereiro, segundo números oficiais.

O departamento de Segurança Interna (que controla a patrulha da fronteira) informou em um comunicado que "continua vigiando de perto as atuais tendências migratórias e trabalha agressivamente para atender às causas subjacentes".

No total, 4.452 famílias foram detidas em março na fronteira sudoeste, 60% a mais que no mesmo mês de 2015.

As apreensões de crianças sem acompanhantes chegaram a 4.240 em março, contra 3.126 no ano precedente, o que representa um aumento de 35%.

A maioria dos menores desacompanhados procede de Guatemala, El Salvador, México e Honduras.

Fonte: braziliantimes.com