Publicado em 6/07/2016 as 9:00pm

Patrulha de Fronteira resgata imigrantes abandonados a um calor de 100º F

Com as previsões de que as temperaturas subirão ainda mais, os escritórios de fronteira orientam aos imigrantes a não colocarem em risco as suas vidas

Agentes da Patrulha de Fronteira do setor Vale do Rio Grande resgataram neste final de semana nove imigrantes indocumentados que foram abandonados pelos seus “coiotes”. Eles estavam expostos a uma temperatura de 100 graus Fahrenheit. A descoberta só foi possível após o escritório em Kingsville receber inúmeras chamadas de emergências reportando que estas pessoas estariam perdidas naquela região.

Mais da metade dos imigrantes resgatados foram levados para o hospital, pois inspiravam cuidados médicos e apresentavam desidratação. Eles foram localizados em diferentes horários e locais, mas todos estavam correndo risco de morte devido a exposição ao calor intenso e sufocante. “Eles foram abandonados porque não podiam seguir com seus contrabandistas”, disse um dos agentes.

Os agentes que atuam em Falfurrias também responderam a uma chamada de emergência relacionada a um imigrante que precisava de atenção médica depois de ser abandonado no mato. Com a ajuda deum helicóptero, eles conseguiram localizá-lo e em seguida o transportaram para um hospital onde recebeu mais tratamentos.

Outro resgate ocorreu quando o Cônsul da Guatemala solicitou a assistência na localização de um imigrante que estaria perdido ao norte de Raymondville, no Texas. Rapidamente os agentes iniciaram um plano de busca e conseguiram encontrá-lo. Este também foi transportado para um hospital local.

Desde o dia 1º de Outubro de 2015 até o momento, os agentes de patrulha registraram um aumento de 54% no número de salvamento a imigrantes perdidos na fronteira e uma redução de 3% no número de mortes. Isso em comparação ao mesmo período no ano anterior.

Com as previsões de que as temperaturas subirão ainda mais, os escritórios de fronteira orientam aos imigrantes a não colocarem em risco as suas vidas, tentando entrar ilegalmente nos EUA através da fronteira. Um telefone foi colocado a disposição para ajudar a salvar a vida de quem está em perigo. O número é 800-863-9382.

Fonte: braziliantimes.com