Publicado em 26/10/2016 as 12:00pm

Em discurso na Flórida, Trump promete: caçar imigrantes e punir quem os ajuda

Trump quer cancelar as ordens executivas de Obama

Na noite de segunda-feira, dia 24, durante um discurso realizado no MidFlorida Credit Union Amphitheater em Tampa (Flórida), o candidato a presidente dos Estados Unidos pelo partido Republicano, Donald Trump, mais uma vez se dirigiu à comunidade imigrante. Diante de milhares de pessoas que o aplaudiam calorosamente, ele relatou que a imigração ilegal está em seus planos para os primeiros 100 dias de governo.

Os gritos e aplausos dos presentes era ensurdecedor e até mesmo presidenciável afirmou que não acreditava que tantas pessoas estariam presentes no evento. A pouco menos de duas semanas para as eleições presidenciais, Trump visitou algumas regiões da Flórida e fez dois discursos nesta semana.

Sua mensagem em ambos foi clara e concisa, que definiram um plano específico para seus primeiros110 dias como presidente:  "Vamos cancelar todo financiamento para as cidades santuário que protegem imigrantes. Vamos começar a remover todos os imigrantes indocumentados criminosos do nosso país. Vamos barrar a entrada de imigrantes de regiões consideradas perigosas para os EUA, incluindo a suspensão do programa para refugiados da Síria".

Trump também propôs que seu plano para os primeiros 100 dias, incluiu a revogação do Obamacare, se livrar do Common Core, construir um muro na fronteira, cancelar todas as ordens executivas do presidente Barack Obama e alocar US$1 trilhão de dólares em fundos para melhorar a infraestrutura e cuidar das questões ambientais nos Estados Unidos.

Fonte: Da redação

Top News