Publicado em 9/11/2016 as 1:00pm

Agente de Fronteira é agredido por imigrante indocumentado

Agente de Fronteira é agredido por imigrante indocumentado

Um agente da Patrulha de Fronteira dos Estados Unidos foi agredido por um imigrante indocumentado durante uma tentativa de prisão na Califórnia. A agressão, corrida em Calexico, resultou em uma lesão na órbita ocular da vítima.

Segundo as informações, o agente observou um homem atravessando ilegalmente em uma parte do muro que divide os Estados Unidos e o México, por volta das 8:40 p.m. no domingo (06).

Depois que o imigrante subiu no muro, o agente fez contato e tentou prendê-lo, de acordo com informações fornecidas por oficiais do escritório do U.S. Customs and Border Protection.

O imigrante atingiu o agente com uma cotovelada no rosto e, segundo os oficiais, o golpe atingiu a órbita ocular esquerda. Após o ataque, o homem tentou fugir e mesmo machucado o patrulheiro o perseguiu até alcançá-lo. indocumentado.

O indocumentado continuou a lutar, mas o agente conseguiu prendê-lo. Além da contusão no olho, o agente também sofreu uma laceração no cotovelo esquerdo e uma lesão no ombro.

O imigrante foi preso e entregue para a Justiça. Ele responderá por agressão a um agente federal antes de ser colocado em processo de deportação.

Há uma semana, outro agente da Patrulha da Fronteira foi agredido na mesma região de Calexico. Ele foi designado para atender na estação ao sul da Califórnia e respondeu a um alarma de um cruzamento ilegal na fronteira.

A travessia foi detectada pelos operadores do Sistema de Vigilância por Vídeo que monitoram a cerca ao longo de um período. O agente foi ao local e para a sua surpresa, foi atacado por um imigrante indocumentado. Ele (vítima) foi atingido por um bloco de concreto jogado por cima do muro, por outros imigrantes que tentavam distraí-lo.

O agente não ficou seriamente feriado, mas estes registros têm alertado as autoridades. Segundo David S. Kim, Assistente-Chefe da Patrulha, não há tolerância para atos contra os agentes. “Nós perseguiremos com vigor quem cometer agressões a um oficial federal”, disse.

Mas os agentes da Patrulha de Fronteira disseram que isso não é necessariamente verdade. Segundo ele, “a menos que um agente seja gravemente ferido, as acusações de agressão ao oficial muitas vezes não são processadas”.

Mesmo quando processadas ??e condenadas, as sentenças proferidas nesses casos tendem a ser menos severas do que agressões semelhantes contra outros agentes da lei.

Em junho, dois imigrantes indocumentados foram sentenciados a 27 meses e 63 meses de prisão por agredir um agente da Patrulha de Fronteira no Texas. Durante a luta, os dois estrangeiros tentaram sufocar o agente. Eles então pegaram o bastão e uma arma do agente. Qualquer dessas armas poderia ter sido usada para tirar a vida do oficial.

Temendo por sua vida, o agente puxou a pistola e disparou contra os imigrantes. Um deles foi baleado e o outro fugiu.

Agentes da Patrulha da Fronteira são frequentemente agredidos por imigrantes na fronteira com o México. Este é o oitavo ataque a agentes nesta região desde o novo ano fiscal iniciado em 1º de outubro.

Fonte: Da redação