Publicado em 11/02/2017 as 8:00am

Cônsul do Brasil em CT fala sobre melhorias no atendimento

Alguns brasileiros que moram em Massachusetts preferem ir ao consulado em Danbury (CT)

Desde Junho de 2015 no cargo, o Cônsul-geral do Brasil, Fernando de Mello Barreto, concedeu uma entrevista ao jornal Brazilian Times para avaliar estes dois anos à frente do Consulado do Brasil em Hartford (Connecticut). "No começo tinha muitos problemas e ajustes a serem feitos. Graças a Deus conseguimos resolver", disse.

Durante a entrevista, ele disse que para resolver alguns problemas, o importante foi manter uma relação mais próxima com a comunidade. "Um diálogo mais amigável com o cidadão nos faz entender o que está bom e o que precisa mudar no atendimento consular", continuou.

Em 2010, Barreto ocupou o posto de cônsul em Boston (Massachusetts), onde promoveu várias mudanças e conseguiu melhorar significativamente o atendimento consular. Na ocasião, o órgão passava por vários problemas e eram comuns reclamações sobre os serviços.

Através do trabalho feito em parceria com a comunidade e várias reuniões, ele conseguiu sanar alguns problemas. O mesmo ele implantou no Consulado de Connecticut.

Outro ponto que foi notado durante a entrevista, foi que muitos brasileiros preferem sair de Massachusetts para serem atendidos no Consulado de Danbury (CT). É o caso de Marcelo Salsa da Silva, que mora em East Boston. Ele foi ao outro estado em busca de renovar o seu Passaporte, o que conseguiu no mesmo dia.

Brazilian Times - O que foi feito para melhorar o atendimento?

Fernando de Mello Barreto - Para tornar o Consulado mais ágil, colocamos mais atendentes ao público, pois a demanda é muito grande. Hoje não precisa mais fazer o agendamento eletrônico.

BT - Falta alguma coisa para melhorar?

FMB - Em relação ao atendimento, acredito que tudo está ótimo. Apesar de eliminarmos parcialmente o agendamento eletrônico, as pessoas que têm acesso à internet em casa podem preencher o formulário online e levar ao Consulado o numero do protocolo, pois isso torna mais rápido o atendimento. Mas quem não tiver como fazer, temos atendentes que estão aptos a ajudar em todo o processo. A pessoa pode ir ao órgão que será atendida da mesma maneira.

BT - Mesmo com todas as mudanças e melhorias, ainda existe alguma dificuldade?

FMB - No momento, a maior dificuldade do órgão e emissão das Carteiras Consulares (ID Consular), que ainda não são feitas no consulado, mas em outro estado. Por isso existe uma certa demora na entrega que chega a 30 dias.

BT - O Consulado tem uma boa relação com a comunidade?

FMB - Desde que assumimos, nós procuramos manter uma relação amigável com a comunidade, promover diálogos mais próximos com o cidadão e assim entender o que precisamos fazer para um bom atendimento. Estamos abertos a ouvir sugestões e críticas, pois o nosso objetivo e oferecer um serviço de qualidade para os brasileiros.

BT - Com as melhorias, o que alterou na demanda de atendimento?

FMB - Hoje nós conseguimos atender uma média de 80 pessoas por dia, além dos vistos solicitados, procurações, autenticações em documentos, Passaporte para crianças e autorizações de viagens para menores. Por ano, emitimos cerca de 12 mil passaportes.

CONTATO

Para saber mais sobre o Consulado do Brasil em Hartford ou como tornar mais rápido o seu atendimento, acesse o site www.hartford.itamaraty.gov.br/pt-br

Fonte: Brazilian Times