Publicado em 1/04/2017 as 4:00pm

Prefeito de Somerville desafia xerife anti-imigrante

"Venha me pegar", diz Joseph Curtatone ao xerife Thomas Hodgson, que pediu a prisão dos líderes de cidades santuários

O prefeito de Somerville, Joseph Curtatone, respondeu a um xerife de Massachusetts que pediu a prisão dos líderes de cidades santuários. “Venha e me pegar”, disse o chefe do executivo de uma das cidades que abriram as portas para a comunidade imigrante.

Curtatone publicou no Facebook uma resposta depois que o xerife Thomas Hodgson, do Condado de Bristol disse em uma declaração perante o Comitê Judiciário dos Estados Unidos as autoridades federais “deveriam prender os funcionários públicos e líderes que se comprometem em violar a lei e abrigar e ocultar imigrantes indocumentados”.

Não há uma definição para o que constitui uma "cidade santuário", mas o termo geralmente se refere aos municípios que se recusam a cooperar com a aplicação federal de imigração. No início da semana, o Procurador-geral Jeff Sessions ameaçou retirar financiamento federal de locais que não cooperarem com as autoridades de imigração.

Curtatone disse que as cidades que se identificam com o “status” de santuário não estão se escondendo. “Nós conhecemos a lei”, disse ele. “Mais importante ainda, nós sabemos que não estamos violando a lei. Mas oficiais como Hodgson devem se sentir livres para manter falar o que quiser. Usa todos os meios e fala em prender seus oponentes políticos usando ofensas inventadas”, continuou.

Curtatone anexou a sua publicação do Facebook um vídeo do desenho de Os Simpsons: “Vovô Simpson gritando em uma nuvem”.

Fonte: Brazilian Times