Publicado em 23/10/2017 as 10:00am

Bilionário doa $2,3 milhões para ajudar grupos pró-imigrantes na Califórnia

O mega-doador democrata Tom Steyer, mais conhecido pelo seu ativismo ambiental, intensificou o...

Bilionário doa $2,3 milhões para ajudar grupos pró-imigrantes na Califórnia A doação de Steyer apoiará uma rede nacional de serviços jurídicos para ajudar a recrutar e treinar mais defensores de imigrantes.

O mega-doador democrata Tom Steyer, mais conhecido pelo seu ativismo ambiental, intensificou o apoio aos direitos dos imigrantes com uma doação de US $ 2,3 milhões para o Centro de Serviços Legais de Imigrantes da Universidade da Califórnia e outras sete organizações.

A doação de Steyer, NextGen America, apoiará uma rede nacional de serviços jurídicos para ajudar a recrutar e treinar mais defensores de imigrantes. Cerca de US $ 90.000 ajudarão o centro da UC a contratar um advogado de imigração em tempo integral para a UC Riverside, onde Steyer visitou sexta-feira (20).

O NextGen também planeja ajudar o centro UC a compartilhar seu modelo de serviços jurídicos com escolas em todo o país. O centro, lançado pela presidente da UC, Janet Napolitano em 2015, é o primeiro e único sistema universitário da nação para oferecer serviços legais gratuitos aos imigrantes e suas famílias que estão no país ilegalmente.

"Dos ataques intensificados pelo ICE à revogação do DACA e proibição de viagem muçulmana, Donald Trump e sua administração estão atacando sistematicamente a comunidade imigrante", disse Steyer em um comunicado. "Muitos vivem com medo de que, a qualquer momento, eles sejam arrancados de sua família sem ninguém para defendê-los. Nossa parceria com o Centro de Serviços Jurídicos de Imigrantes da UC permitirá que mais alunos e suas famílias, na Califórnia e em todo o país, busquem a orientação legal que eles precisam e têm o direito de receber".

Maria Blanco, diretora executiva do centro UC, disse que o apoio vem em um momento crucial para os imigrantes vulneráveis - especialmente para os quase 800 mil jovens que receberam destituições temporárias da deportação e acesso a licenças de trabalho no âmbito do programa Deferred Action for Childhood Arrivals (DACA).

No mês passado, a administração do Trump anunciou que terminaria o programa, mas deu ao Congresso uma abertura de seis meses para salvá-lo. A Califórnia é o lar do maior número de beneficiários do DACA - cerca de 223 mil -, quase o dobro do segundo, o Texas.

Cerca de 4.000 alunos da UC são imigrantes sem status legal.

Blanco disse que cerca de 1.000 jovens a nível nacional e cerca de 280 na Califórnia cada dia estão perdendo o status de DACA, submetendo-os a possíveis perdas de emprego ou deportação. "Isso, realmente, está ficando muito estresse", disse ela.

Ela espera que a contribuição de Steyer inspire outros a seguir o exemplo. No ano passado, Napolitano prometeu US $ 2,5 milhões ao longo de três anos, mas Blanco está procurando financiamento para sustentar o centro depois disso.

Fonte: Redação - Brazilian Times

Top News