Publicado em 12/01/2018 as 4:00pm

Juiz federal bloqueia ordem que cancela o DACA

A decisão de um juiz federal debloquear os planos da administração Trump para eliminar as...

Juiz federal bloqueia ordem que cancela o DACA Decisão do juiz William Alsup irritou a Casa Branca.

A decisão de um juiz federal debloquear os planos da administração Trump para eliminar as proteções para os chamados “Dreamers” indocumentados gerou uma reação brusca na Casa Branca, nesta quarta-feira (10). Os funcionários do governo chamaram a atitude de “ultrajante”.

A ordem do juiz William Alsup, emitido na terça-feira (09), diz que as proteções contra a deportação devem permanecer em vigor para os quase 800mil imigrantes beneficiados pelo Deferred Action for Childhood Arrivals (DACA), programa criado na era do governo Barack Obama e permitia que milhares de jovens pudessem trabalhar legalmente nos Estados Unidos por um certo período.

No dia 05 de setembro, o Procurador-geral dos EUA, Jeff Sessions, anunciou a decisão de encerrar o programa e disse que nenhum pedido de renovação seria aceito após 5 de outubro. De acordo com o plano da administração, as licenças que expiraram após 5 de março também não poderiam ser renovadas.

Mas Alsup decidiu que, enquanto o processo estiver pendente, qualquer pessoa que tinha o status de DACA quando o programa foi rescindido, em 5 de setembro, poderá renová-lo.

A porta-voz da Casa Branca, Sarah Huckabee Sanders, chamou a decisão de “ultrajante” e insistiu para que o Congresso finalmente decida o destino do programa.

“Uma questão dessa magnitude deve passar pelo processo legislativo normal”, disse Sanders. “O presidente Trump está comprometido com o estado de direito e trabalhará com os membros de ambas as Casas para alcançar uma solução permanente que corrija as ações inconstitucionais tomadas pela última administração”.

Fonte: Redação - Brazilian Times