Publicado em 24/01/2018 as 6:00pm

Agentes de imigração entram em ônibus para pedir identificação de passageiros na Flórida

Um vídeo que mostra oficiais da Patrulha de Fronteira entrando em um ônibus na cidade de Fort...

Agentes de imigração entram em ônibus para pedir identificação de passageiros na Flórida Imagem registrada por um dos passageiros quando os agentes entraram no ônibus.

Um vídeo que mostra oficiais da Patrulha de Fronteira entrando em um ônibus na cidade de Fort Lauderdale (Flórida) e removendo uma mulher cujo visto havia expirado provocou uma onda de protestos.

Conforme as informações divulgadas pela Florida Immigrant Coalition, os agentes detiveram a mulher em um ônibus da empresa Greyhound, por volta das 4:30 p.m. de sexta-feira, dia 12. A prisão aconteceu após eles abordarem todos os passageiros e pedir a identificação de cada um.

A organização publicou o vídeo no sábado, dia 13, criticando a operação que segundo os ativistas pode gerar uma onda de medo e prejudicar a segurança pública local.

Alguns passageiros do ônibus, que seguia de Orlando para Miami, ficaram surpresos com a presença dos agentes. “Eles tiraram seus celulares para me gravar em vídeo”, disse um. "Isso é novo?", perguntou outro passageiro. "Estou ofendido", afirmou um terceiro.

O vídeo, que foi visto mais de 2,3 milhões de vezes no Twitter, vem em meio a uma repressão à imigração ilegal imposta pelo presidente Donald Trump.

O escritório em Miami do Immigration and Customs Enforcement (ICE) informou ter levado sob custódia mais de seis mil pessoas, no ano passado, em toda a Flórida, Porto Rico e as Ilhas Virgens.

Enquanto os que defendem a repressão disseram que os oficiais que detiveram a mulher fizeram um bom trabalho na aplicação da lei, ativistas pró-imigração disseram que os passageiros não deveriam ter que enfrentar perguntas sobre sua cidadania.

"Agências como o ICE e a Border Patrol estão prejudicando a confiança entre a comunidade e a aplicação da lei ", escreveu a Coalizão.

A Patrulha da Fronteira confirmou que os agentes realizaram a inspeção de imigração na estação rodoviária, na sexta-feira Eles prenderam a mulher no ônibus depois de determinar que ela ultrapassou a permanência do visto de turista, de acordo com o Miami Herald, que citou uma declaração da agência.

A mulher, que é da Jamaica, foi levada para uma estação de patrulha fronteiriça, onde foi entregue ao Immigration and Customs Enforcement (ICE) para procedimentos de deportação.

A direção da Greyhound respondeu às publicações das redes sociais sobre a operação em Fort Lauderdale. "Esta situação está sendo investigada pela nossa equipe, no entanto, não temos escolha senão cumprir com todos os funcionários ligados ao governo", publicou no Twitter. "Isso não é algo que foi iniciado por qualquer membro do Greyhound".

Fonte: Redação - Brazilian Times