Publicado em 23/02/2018 as 1:00pm

Brasileiros são vítimas de racismo em campeonato de videogame nos EUA

A mais nova empreitada da Team One no CS:GO é a ida do clube para os Estados Unidos. No sábado...

Brasileiros são vítimas de racismo em campeonato de videogame nos EUA A equipe brasileira mora há algum tempo nos EUA.

A mais nova empreitada da Team One no CS:GO é a ida do clube para os Estados Unidos. No sábado (17) a equipe enfrentou os norte-americanos da 2K pela fase qualificatória da quinta temporada da ECS.

Durante o jogo, os americanos da 2K utilizaram o chat de voz com diversas provocações que foram ficando cada vez mais sujas, e após ser morto pelo jogador da Team One, Andy “devastation” Parr falou “Fuck Brazil.”

A situação fica ainda pior quando o norte-americano imita um macaco após os brasileiros vencerem um Round.

Apesar da tentativa de desestabilizar emocionalmente a Team One, a 2K acabou derrotada por 2 a 1 e está eliminada da competição. Os brasileiros seguem vivos na briga pelas vagas na ECS Challenger Cup.

Organizadora da competição, a FACEIT ainda não se manifestou publicamente.

Fonte: Redação - Brazilian Times