Publicado em 5/12/2008 as 12:00am

Bebê de um ano está grávida

Em termos médicos, os bebês deveriam ter nascido no mesmo momento, porém, neste caso o feto cresceu dentro da barriga da irmã

De acordo com o site www.timeturk.com, a mãe da menina estava inicialmente grávida de gêmeos, mas os médicos disseram que os fetos desenvolveram-se anormalmente, causando uma rara condição conhecida como ‘fetus in fetu’.

Em termos médicos, os bebês deveriam ter nascido no mesmo momento, porém, neste caso o feto cresceu dentro da barriga da irmã, colocando o caso como “único do mundo”, disse o jornal.

Para você ter uma idéia, o ‘fetus in feto’ é tão raro que só ocorre 1 caso em 500.000 nascimentos. É praticamente impossível. Curiosamente, esta não é a situação mais incomum, pois nesse momento os sauditas discutem se a retirada do feto pode ser considerado assassinato.

Em 2006, um indiano de 36 anos foi submetido a uma cirurgia, quando teve seu irmão gêmeo retirado. Os médicos inicialmente diagnosticaram o homem com um tumor gástrico, mas logo descobriram se tratar de um dos 90 casos da história de ‘fetus in fetu’.

Fonte: (Da redação)