Publicado em 1/07/2009 as 12:00am

Sobrevivente de queda de Airbus no Oceano Índico é garota de 14 anos

Informação foi corrigida por autoridades das Ilhas Comores. A310 que saiu do Iêmen caiu com 153 a bordo próximo ao arquipélago.


A única sobrevivente encontrada até agora depois da queda de um avião Airbus 310 próximo às Ilhas Comores, com 153 pessoas a bordo, é uma garota de 14 anos, segundo as autoridades do arquipélago. Anteriormente, havia sido divulgado que se tratava de uma criança de 5 anos.

Destroços do avião da companhia iemenita Yemenia e corpos de supostas vítimas também já foram encontrados.

O avião acidentado vinha de Sanaa, no Iêmen, rumo às Comores, com 153 pessoas a bordo.

A sobrevivente foi resgatada de barco e levada a um hospital em Comores. Seu estado de saúde e nacionalidade não foram divulgados.

Hadji Ali, diretor do aeroporto internacional de Moroni, em Comores, disse que, além da garota, foram resgatados cinco corpos de vítimas.

De acordo com Mohammad al-Sumairi, da companhia aérea, as operações de buscas são difíceis por causa das más condições meteorológicas. "Um mar agitado e um vento forte dificultam os trabalhos de buscas e resgate", afirmou.

Segundo Hadji, barcos de vários tipos, inclusive de pescadores, rumaram para o local do acidente e ajudam nas operações de resgate. “Todos os nossos recursos estão sendo enviados para o local, inclusive barcos de pescadores”, afirmou.

Dois aviões militares e um navio franceses deixaram as ilhas de Reunião e Mayotte, no oceano Índico, para ajudar nas buscas.


Fonte: (G1)