Publicado em 8/09/2011 as 12:00am

Gaddafi vendeu 20% do ouro líbio nos últimos dias do regime

O ex-ditador líbio Muamar Gaddafi vendeu mais de 20% das reservas de ouro do país durante os últimos dias do regime, anunciou nesta quinta-feira o presidente do Banco Central líbio, Qasem Azoz. Quase 29 toneladas de ouro, avaliadas em mais de um bilhão de

O ex-ditador líbio Muamar Gaddafi vendeu mais de 20% das reservas de ouro do país durante os últimos dias do regime, anunciou nesta quinta-feira o presidente do Banco Central líbio, Qasem Azoz. Quase 29 toneladas de ouro, avaliadas em mais de um bilhão de dólares, foram vendidas a comerciantes locais, informou o presidente do BC líbio.

"O ouro foi negociado para pagar os salários e dispor de liquidez, em particular em Trípoli", declarou Azoz.

Provavelmente o ouro foi levado da Líbia para a Tunísia, segundo autoridades do BC líbio. A venda do ouro aconteceu nos dias anteriores a 23 de agosto, quando as tropas insurgentes entraram na residência do ex-dirigente, afirmou Azoz.

O presidente do BC líbio informou ainda que os ativos da instituição alcançam 115 bilhões de dólares, 90 bilhões deles no exterior.

Fonte: UOL.COM.BR