Publicado em 12/11/2012 as 12:00am

Falha em motor de avião causa pânico e pouso forçado em Sydney

Passageiros de um voo que ia de Sydney, na Austrália, para Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, passaram por momentos de terror na noite de domingo, depois de uma falha no motor sacudir o avião. O Airbus A380 da Emirates Airlines decidiu voltar a Sydney men

Passageiros de um voo que ia de Sydney, na Austrália, para Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, passaram por momentos de terror na noite de domingo, depois de uma falha no motor sacudir o avião. O Airbus A380 da Emirates Airlines decidiu voltar a Sydney menos de uma hora após decolar. Segundo pessoas que estavam a bordo, o motor da aeronave pegou fogo.

John Fothergill, de Auckland, na Nova Zelândia, disse que viu o incêndio após ter sentido o avião tremer. "Eu pensei que pudesse ter sido um raio, mas então eu vi as chamas saindo do motor. Todo o interior do A380 se iluminou", afirmou ele. Um porta-voz da companhia aérea, no entanto, negou que houvesse fogo.

Ross Clarke, outro passageiro, disse que ouviu um grande estrondo. "Os pilotos afirmaram que havia algo errado no motor a estibordo, o motor número três", afirmou.

Além disso, a tripulação aparentava estar em pânico, segundo algumas pessoas que estavam a bordo. Os comissários de bordo correram para as janelas da aeronave após ouvirem o barulho para ver o que havia acontecido. Segundo o médico Amal Aburawi, "todos estavam correndo de um lado para o outro, ninguém sabia o que estava acontecendo".

O piloto contatou autoridades aéreas para saber se poderia continuar a viagem, mas recebeu ordens de voltar e pousar em Sydney. A aeronave, que levava 380 passageiros, pousou com segurança e ninguém ficou ferido.

Fonte: terra.com.br