Publicado em 29/08/2013 as 12:00am

Reino Unido considera legal ação na Síria mesmo sem aval da ONU

Reino Unido considera legal ação na Síria mesmo sem aval da ONU

O Reino Unido disse nesta quinta-feira que seria legal uma intervenção militar na Síria mesmo sem a autorização da ONU. Em documento, o governo britânico considera que a ação armada teria caráter humanitário e estaria de acordo com a legislação

internacional.

Os britânicos, junto com americanos e franceses, disseram nesta semana que estão prontos para agir na Síria em retaliação ao regime de Bashar al-Assad, a que acusam de comandar um ataque de armas químicas na periferia de Damasco, no último dia 21.

Ditador sírio diz que se defenderá de qualquer agressão estrangeira
Moscou e Londres reforçam efetivo militar, à espera de ataque à Síria

A oposição afirma que 1.300 pessoas morreram na ação, enquanto a organização Médicos sem Fronteiras cifra as mortes em 355. O regime sírio nega a ação e apresentou à ONU na quarta um documento com provas que incriminariam os rebeldes, que acusam os rebeldes de terem feito todos os ataques químicos.

Fonte: www.uol.com