Publicado em 2/03/2014 as 12:00am

Rússia, EUA e UK realizam reunião tensa sobre Ucrânia na ONU

Rússia, EUA e Reino Unido realizam reunião tensa sobre Ucrânia na ONU


 O Conselho de Segurança da ONU manteve, neste sábado (1º), uma tensa reunião sobre a crise ucraniana, na qual Rússia, Estados Unidos e Reino Unido trocaram acusações e não alcançaram nenhum ponto de consenso. Os EUA e o Reino Unido atacaram Moscou duramente por sua intervenção militar no território ucraniano e exigiram que a Rússia voltasse atrás, enquanto o embaixador russo defendeu as medidas tomadas pelo Kremlin e acusou o Ocidente de estar por trás da atual instabilidade na Ucrânia.

O encontro, solicitado com urgência pelo Reino Unido, começou com atraso, depois que as partes discordaram sobre o formato que deveria ser utilizado. Os países ocidentais pressionaram para que fosse um debate aberto, enquanto a Rússia queria uma sessão com portas fechadas, disseram à EFE fontes diplomáticas. Finalmente, os membros do Conselho mantiveram uma breve reunião acessível às câmeras - na qual também discursou o embaixador ucraniano - e depois realizaram consultas privadas.

Os discursos de todas as partes deixaram claro o abismo que separa as posturas do Ocidente e de Moscou em tudo o que se refere à Ucrânia, enquanto a China - o outro membro permanente com direito a veto - não discursou.

Fonte: (g1)