Publicado em 26/10/2015 as 12:00am

Hamilton vence nos EUA e iguala o ídolo Senna com 3º título

O tricampeonato do piloto britânico da Mercedes veio após 43 vitórias

O britânico Lewis Hamilton agora está no seleto grupo de pilotos tricampeões mundiais de Fórmula 1, ao lado de seu maior ídolo, o brasileiro Ayrton Senna. O britânico de 30 anos de idade alcançou o feito ao vencer o agitado Grande Prêmio dos Estados Unidos da categoria, neste domingo, acabando com as chances de seus rivais ainda com três provas a disputar no campeonato.

A vitória em Austin deixou Hamilton com 327 pontos no Mundial de Fórmula 1, dando a ele seu segundo título consecutivo. Seu companheiro de Mercedes, Nico Rosberg ficou em segundo, em mais uma dobradinha do time alemão. Em terceiro ficou Sebastian Vettel, que precisaria ter sido vice na corrida para impedir o britânico de comemorar antecipadamente.

O tricampeonato do piloto britânico da Mercedes veio após 43 vitórias em sua carreira, o que o deixa na terceira colocação da lista de maiores vencedores da história da F1, atrás apenas de Michael Schumacher, com 91, e Alain Prost, com 51. Seu rival pelo título, Sebastian Vettel tem 42 triunfos na carreira. Seu ídolo Ayrton Senna venceu 41 provas em sua trajetória ao tricampeonato mundial.

Hamilton chegou a seu terceiro título na carreira aos 30 anos nove meses e 19 dias, sete anos depois de se tornar o mais jovem campeão da história da F1, e mais novo do que seu grande ídolo Ayrton Senna. O britânico conquistou o Mundial de 2008 com 23 anos e nove meses e 27 dias, mas posteriormente foi superado por Vettel, campeão de 2010 com 23 anos e quatro meses e 12 dias.

O alemão atualmente na Ferrari ainda é o tricampeão mais jovem da história da categoria por ter levado seu terceiro título da F1 com 25 anos, quatro meses e 23 dias, superando Ayrton Senna, que em 1991 conquistou o tricampeonato do Mundial já com 31 anos e sete meses de idade.

Com o terceiro título, Hamilton se iguala também a Nelson Piquet, Niki Lauda, Jack Brabham e Jackie Stewart, outros tricampeões da F1. Alain Prost e Vettel venceram quatro mundiais. Juan Manuel Fangio, cinco. Michael Schumacher, sete.

O brasileiro Felipe Massa abandonou a prova dos Estados Unidos neste domingo com um problema no amortecedor de sua Williams, que também obrigou o finlandês Valtteri Bottas a parar precocemente. Felipe Nasr ficou em nono, mais uma vez marcando pontos com a Sauber. Com o título já definido, o Mundial de Fórmula 1 terá prosseguimento já na próxima semana com o Grande Prêmio do México.

Fonte: terra.com