Publicado em 24/11/2015 as 12:00am

Ataques dos EUA destroem 283 caminhões-tanque do EI na Síria

Panfletos lançados no recente ataque dos Estados Unidos diziam: "Saiam de seus caminhões agora e fiquem longe deles".

Aviões americanos realizaram no último fim de semana vários ataques aéreos na região controlada pelo Estado Islâmico (EI) no leste da Síria e destruíram 283 caminhões-tanque utilizados pelo grupo jihadista para contrabandear petróleo, informou nesta segunda-feira (23) o Departamento de Defesa dos Estados Unidos.

Os jihadistas usam esses caminhões para transportar o petróleo produzido na região para diferentes pontos de contrabando, o que constitui uma fonte de financiamento fundamental para o EI e que se transformou em um dos principais alvos do exército americano.

Em entrevista coletiva, o capitão e porta-voz do Departamento de Defesa dos EUA, Jeff Davis, informou que os ataques foram realizados por quatro aviões A-10 e dois AC-130 no sábado (21) entre as cidades de Al Hasakah e Dayr Az Zawr, no leste do país.

Segundo o Pentágono, os aviões americanos realizaram um voo de alerta sobre os caminhões antes de proceder com o ataque e lançaram folhetos nos quais se pedia aos caminhoneiros que abandonassem seus veículos, já que não havia suspeitas de que os motoristas fossem jihadistas.

"Temos maneiras de proceder muito pontuais para garantir que nossas ações sejam feitas de forma humana e sem causar baixas civis, mas, ao mesmo tempo, sabendo que esses caminhões têm um vínculo integral com o fluxo de receitas do EI", afirmou Davis.

Fonte: terra.com.br