Publicado em 19/05/2016 as 7:59am

Presidente francês confirma que avião da EgyptAir caiu na água

Aeronave com 66 pessoas a bordo fazia rota entre Paris e o Cairo, na noite de ontem

O presidente francês François Hollande afirmou nesta quinta-feira (19) que nenhuma hipótese sobre o desaparecimento do voo MS804 da EgyptAir está descartada. A aeronave, que fazia a rota Paris-Cairo, sumiu dos radares quando sobrevoava o mar Mediterrâneo.

— Infelizmente a informação que nós temos nos confirma que o avião caiu e está desaparecido. [...] Nenhuma hipótese pode ser descartada, nem pode ser favorecida em detrimento de outra.

Hollande também anunciou a abertura de um inquérito para apurar as causas do acidente.

“Temos de garantir que sabemos tudo quanto às causas do que aconteceu. Nenhuma hipótese está excluída ou favorecida”, disse, numa declaração divulgada na televisão.

Hollande afirmou que França está em contato com as autoridades gregas e egípcias para enviar aviões e barcos que possam participar das buscas do aparelho.

O Airbus A320, com 66 pessoas a bordo, decolou da capital francesa na noite de quarta-feira (18) e deveria chegar cerca de 3 horas depois na capital do Egito. Nesta manhã, autoridades gregas, egípcias e também militares norte-americanos começaram as buscas no mar.

O ministro de Defesa da Grécia afirmou que o Airbus estava a 37.000 pés (11.277 m) e "fez guinadas repentinas".

O primeiro-ministro da França, Jean-Marc Ayrault falou com familiares de passageiros do voo. Ele prestou solidariedade com todos enquanto aguardavam informações sobre a aeronave desaparecida.

Já o primeiro-ministro egípcio, Sherif Ismail, repetiu o discurso de François Hollande e disse que inclusive a hipótese de terrorismo ainda é considerada.

Fonte: r7.com.br