Publicado em 29/11/2016 as 7:00pm

Briga por herança marca família de Bolaños dois anos após sua morte

O comediante teria deixado uma fortuna avaliada em US$ 15 milhões para ser dividida entre Florinda e os seis filhos

O período pós morte de Roberto Gómez Bolaños, o criador e protagonista de seriados como “Chaves” e “Chapolin”, foi marcado por uma disputa envolvendo a família do comediante. Florinda Meza e os filhos de Bolaños se desentenderam por causa da herança deixada pelo comediante.

Segundo o site 'TV Foco', em 2015, Roberto Gómez Fernández, um dos seis filhos de Bolaños de seu primeiro casamento, com Graciela Fernández Pierre, entrou em atrito com Florinda Meza – a Dona Florinda do seriado “Chaves” e esposa de Bolaños – por causa da divisão da herança deixada pelo comediante mexicano.

Na época, Roberto teria se enfurecido com a decisão da madrasta de colocar à venda as casas de Bolaños. A atriz havia anunciado a venda dos imóveis de Bolaños apenas um mês depois da morte dele.

Os filhos de Bolaños estavam querendo mais dinheiro do que o que foi deixado para eles e alegavam que o humorista escreveu o testamento quando já estava doente, por isso não teria condições de fazer uma divisão justa. Florinda não gostou nada da história.

O comediante teria deixado uma fortuna avaliada em US$ 15 milhões para ser dividida entre Florinda, com quem era casado, e os seis filhos que ele teve com a primeira mulher, Graciela Fernández.

A briga pela herança deixada por Bolaños, foi o fato que mais marcou a família do criador de “Chaves” e “Chapolin”, dois anos após sua morte, que ocorreu em 28 de novembro de 2014.

Fonte: https://www.noticiasaominuto.com.br