Publicado em 13/06/2017 as 1:00pm

Hacker da Letônia é extraditado para os EUA

Um cidadão da Letônia que estava na Polônia foi extraditado para os Estados Unidos para responder por suposto envolvimento em um ataque hacker que causou prejuízos de milhões de dólares para internautas norte-americanos.

Hacker da Letônia é extraditado para os EUA Hacker da Letônia e extraditado para os EUA.

"Um letão apareceu pela primeira vez, hoje, em Minneapolis, após a extradição a partir da Polônia por seu envolvimento em um esquema hacker que causou milhões de dólares de perda para usuários da internet nos EUA", afirmou o Departamento de Justiça dos Estados Unidos.

Peteris Sahurovs, também conhecido como Piotrek e Sagade, foi indiciado em 2011, no Minnesota, por acusações de fraude e conspiração. Ele foi preso na Polônia no final do ano passado e, desde então, aguardava extradição. Ele e alguns parceiros teriam utilizado um malware para forçar usuários a comprar um programa antivírus para consertar seus computadores. O tal programa, no entanto, era falso. Segundo as autoridades americanas, os hackers teriam conseguido mais de 2 milhões de dólares com o golpe.

Fonte: br.sputniknews.com