Publicado em 23/06/2017 as 1:00pm

Trump propõe painéis solares em muro na fronteira com México

Presidente americano sugere gerar energia no local para financiar obra e melhorar aparência. Controverso muro foi uma das principais promessas de campanha do republicano.

Trump propõe painéis solares em muro na fronteira com México Trump diz que ideia de painéis solares é sua. Foto AP Photo-Evan Vucci.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, propôs a instalação de painéis solares no muro que quer erguer na fronteira com o México para que a energia produzida ajude a financiá-lo. O republicano insiste que a obra seja paga pelo governo mexicano.

"Estamos pensando em construir o muro como um muro solar, algo que crie energia e se autofinancie. Desta forma, o México terá que pagar muito menos dinheiro. Faz sentido, não?", disse Trump, durante um ato em Cedar Rapids, em Iowa, nesta quarta-feira (22).

A ideia de colocar painéis solares no muro já circulava há duas semanas em Washington. Trump falou da proposta num encontro privado com um grupo de legisladores republicanos no último dia 6, mas ainda não tinha citado essa possibilidade em público.

Em Cedar Rapids, o presidente destacou que essa "ideia singular" é sua, pois ele é um construtor. "Lá embaixo é um dos lugares onde a energia solar funciona muito bem. E acreditamos que poderíamos assim melhorar a aparência [do muro]", afirmou.

Apesar da alegação de Donald Trump de que a ideia do "muro" solar é sua, diversos veículos de imprensa americanos atribuem a uma das dezenas de propostas enviadas por várias empresas que participaram da licitação pública para construção do muro.

A empresa da ideia se chama Gleason Partners, cujo fundador, Tom Gleason, disse recentemente ao jornal "The Washington Post" que seu projeto iria gerar dois megawatts de eletricidade por milha, o suficiente para fornecer energia a 350 casas.

A construção do muro proposta por Gleason custaria cerca de US$ 7,5 milhões por milha, cerca de 1,6 quilômetro, segundo disse o empresário ao jornal.

Após o encontro com Trump e outros legisladores na Casa Branca, no início de junho, o congressista republicano Steve Scalise disse que o governante tinha falado com eles sobre a ideia de "um muro que funcionaria como um painel solar para que se autofinanciasse".

A construção de um muro na fronteira com o México é uma das grandes promessas de campanha de Trump, que afirmou diversas vezes em seus comícios que essa barreira não custaria nem um dólar aos americanos e que seria financiada pelo governo mexicano.

Essas declarações causaram problemas diplomáticos com o México e, além de não se retratar, Trump solicitou ao Congresso um orçamento para a construção do muro, com a promessa que depois seria reembolsado pelos mexicanos, mas os democratas não aprovaram o pedido.

Fonte: Deutsche Welle