Publicado em 18/11/2017 as 3:00pm

Bombeiros derrubam parede de casa para socorrer mulher de 490 quilos na Argentina

Isabella, de 32 anos, vive na cama e perdeu a sensibilidade em grande parte do corpo. Ela tinha 130 quilos quando o pai morreu, há oito anos, e passou a engordar ainda mais por causa de depressão.

Bombeiros derrubam parede de casa para socorrer mulher de 490 quilos na Argentina (Clarín - Reprodução)

Bombeiros tiveram que derrubar a parede de uma casa para tirar uma mulher de 32 anos e 490 quilos, que foi hospitalizada na Argentina para se tratar, noticiou a imprensa local nesta quarta-feira (15).

A mulher, moradora de Rosário, 340 km ao norte da capital argentina, precisou ser levada em sua própria cama, içada por um caminhão guincho da Defesa Civil, segundo imagens publicadas no jornal "Clarín".

Isabella (seu sobrenome não foi divulgado) vive prostrada há anos, perdeu a sensibilidade em grande parte do corpo e teve tumores nas pernas em consequência da obesidade mórbida.

"Sempre fui gorda. Abandonei a escola pela discriminação que sofri. Retomei os estudos adulta para poder ser alguém nesta vida. Isso hoje parece impossível", relatou ao jornal.

A mulher pesava 130 quilos há oito anos, quando seu pai faleceu e ela caiu em depressão.

"Quero me curar e viver", suplicou ela, antes de ser levada ao Hospital Provincial de Rosario.

Fonte: Por France Presse