Publicado em 4/02/2018 as 8:00am

Tillerson menciona possibilidade de militares venezuelanos derrubarem Maduro

'São os militares que lidam com isso', diz secretário de Estado dos EUA.

Tillerson menciona possibilidade de militares venezuelanos derrubarem Maduro Secretario de estado dos Estados Unidos, Rex Tillerson, em imagem de arquivo (Foto James Lawler Duggan - Reuters).

O secretário de Estado norte-americano, Rex Tillerson, mencionou nesta quinta-feira (1º) a possibilidade de que os militares da Venezuela podem decidir derrubar o presidente Nicolás Maduro, mas disse não saber se isto irá acontecer.

Tillerson foi questionado em um evento na Universidade do Texas, antes de uma viagem por cinco países da América Latina, sobre se a saída de Maduro é necessária ou se os Estados Unidos desempenhariam um papel nisso.

"Não defendemos uma mudança de regime ou a retirada do presidente Maduro.

Defendemos que eles retornem à Constituição", respondeu Tillerson. No entanto, em seguida mencionou a possibilidade de que forças internas possam tomar ação, apesar de não dar evidências de essa ideia ser respaldada pela Inteligência americana.

"Na história da Venezuela e na história de outros países da América Latina, muitas vezes são os militares que lidam com isso", afirmou. "

"Quando as coisas vão tão mal que a liderança militar entende que não pode mais servir aos cidadãos, eles vão tentar uma transição pacífica", disse. E então acrescentou: "Se isso acontecerá nesse caso ou não, eu não sei".

O governo de Maduro, que é aliado de Cuba, diz que luta contra uma conspiração da direita liderada pelos EUA para acabar com o socialismo na América Latina, prejudicar a economia da Venezuela e roubar sua riqueza em petróleo.

“Maduro deve voltar à sua Constituição e segui-la”, afirmou Tillerson, acrescentando que caso a situação fique muito ruim para ele, “tenho certeza que ele tem alguns amigos em Cuba que podem lhe dar uma bela mansão na praia”.

Fonte: Por Reuters