Publicado em 1/03/2018 as 8:00am

Professor é detido após se 'entrincheirar' com arma em sala de aula nos EUA

Há relatos de disparos, mas, segundo a polícia, nenhum aluno ficou ferido, e a escola foi rapidamente esvaziada. Cerca de 2.000 pessoas estudam no local.

Professor é detido após se 'entrincheirar' com arma em sala de aula nos EUA Reprodução - Twitter

A polícia da cidade de Dalton, no estado americano da Geórgia, foi acionada nesta quarta-feira (28), após relatos de tiros disparados em uma escola.

Segundo a Associated Press, os disparos foram feitos por um professor que estava "entrincheirado" em uma sala de aula na Dalton High School depois que o diretor tentou abrir a porta do local.

A polícia confirmou que o homem foi preso cerca de 40 minutos depois, mas não forneceu detalhes adicionais, nem sua identidade.

O porta-voz da polícia de Dalton, Bruce Frazier, disse que o incidente aconteceu enquanto um grupo de alunos tentou entrar na sala de aula, e foi impedido pelo professor em questão.

Quando o diretor da escola chegou e tentou destravar o cômodo com uma chave, um único tiro foi ouvido no local. O bloqueio de segurança da escola foi acionado e a polícia foi notificada imediatamente, segundo Frazier.

No Twitter, as autoridades informaram que os estudantes não estavam em perigo, e pediram que os pais não fossem em direção à escola, que foi esvaziada. Segundo a AP, um aluno machucou o tornozelo enquanto deixava o prédio.

Sem explicação

Frazier disse que não há nenhuma explicação imediata para o que poderia ter ocasionado o incidente, mas se recusou a dizer se se tratava de uma tentativa de suícidio. "Esse professor, aparentemente, não queria envolver os alunos no incidente de nenhuma forma", comentou.

A escola tem cerca de 2.000 alunos e fica a 145 km ao norte de Atlanta. Os alunos foram levados para um centro de convenções nas proximidades de Dalton, para onde também foram encaminhadas suas famílias, que os buscariam na escola.

Fonte: g1.globo.com