Publicado em 1/12/2014 as 12:00am

Brasileiras oferecem sexo em sites de Massachusetts

A prostituição é crime no estado a tanto quem oferece sexo ou para quem paga por ele são penalizados

Com fotos provocantes e promessas de prazer sexual, algumas brasileiras estão oferecendo sexo por dinheiro em um site destinado a garotas de programas e acompanhantes (Hot Escort Pages). Com o lema de “os mais quentes classificados para adultos na internet”, o site já conta com centenas de mulheres que oferecem diversos serviços sexuais, inclusive sexo por telefone. Somente em Massachusetts existem mais de 10 mil anúncios.

Uma das brasileiras se apresenta com o nome de “Yessica Lima”, que atende na região de Braintree. No anúncio ela afirma que gosta de dominar a relação sexual, mas que gosta também de ser submissa. Para aguçar ainda mais o desejo dos internautas, a garota fala que se especializou em todos os fetiches e fantasia. “Por isso não se acanhe e desfrute de nossos momentos juntos”, termina a publicação citando um telefone.

A redação pesquisou o número de telefone citado por ela e descobriu que um anúncio semelhante foi publicado em outros sites que oferecem sexo. No Erotic Post Reviews, Yessica fala que é uma transexual, com 25 anos de idade, que atende as regiões de Boston (MA) e Providente (RI).

Ainda no site Hot Escort Pages, uma mulher não cita seu nome, mas diz ser 100% brasileira e que vai fazer a mente de pessoa “explodir” com os prazeres que ela proporcionará. No anúncio, ela afirma atender qualquer idade ou nacionalidade e quem vai fazer sexo pela primeira vez. O telefone citado por ela e as fotos publicadas também estão no Erotic Post Reviews, onde ela afirma ser da cidade de Everett (MA).

Outra que utiliza o Hot Escort Pages para divulgar serviços sexuais e se diz brasileira, disse que mora a 20 minutos do centro do Boston e está sempre pronto quando alguém ligar. “Estou aqui para fazer seus desejos se tornarem realidade”, publicou ela no anúncio. A mulher continua afirmando ser agradável, morar em boa localização e discreta.

Com apelido de “Caramel”, ela afirma que é 100% brasileira e que é “bunduda gostoza” (escreveu a palavra gostosa errado).

PROSTITUIÇÃO É CRIME EM MASSACHUSETTS

A lei de Massachusetts pune a prostituição como um crime de contravenção, mas pune os delitos conexos de solicitação, lenocínio, e se curvar com maiores sanções do que para a própria prostituição. Os crimes de lenocínio e lenocínio são aumentados para delitos graves, com penas ainda maiores, onde os crimes envolvem menores de idade.

A pessoa condenada por certos crimes relacionados com a prostituição pode ter que se registrar como um agressor sexual sob a lei de Massachusetts. Uma oferta de sexo por dinheiro pode penalizar ambos os lados, pessoa que oferece e quem a contrata.

De acordo com a lei de Massachusetts, qualquer pessoa que se contrata ou compromete a contratar ou oferece sexo em troca de uma taxa, pode ser processada pelo delito de prostituição, se a conduta sexual ocorre ou não. (Mass. Ch Leis Gn. 272, §53A (a).)

A pessoa que procura os serviços de uma prostituta (ou seja, um "John") também viola a lei de Massachusetts. Neste item estão inclusos quem paga, concorda em pagar ou oferece pagamento em troca de sexo, mesmo que não haja contato sexual. Esta violação acarreta uma pena maior do que o previsto.

Fonte: Da Redação do Brazilian Times | Texto de Luciano Sodré