Publicado em 25/02/2008 as 12:00am

Filho de imigrantes diz ser candidato a presidente dos EUA

O advogado americano Ralph Nader anunciou neste domingo que vai concorrer novamente à Presidência dos EUA em novembro.

O advogado americano Ralph Nader anunciou neste domingo que vai concorrer novamente à Presidência dos Estados Unidos nas eleições de novembro.

O liberal, filho de imigrantes libaneses e admirado por seu trabalho pelos direitos do consumidor, anunciou a intenção em uma entrevista na televisão americana.

Em 2000, Nader também concorreu ao cargo e foi acusado por muitos democratas de ter sido responsável pela vitória do republicano George W. Bush. Ele voltou a se candidatar em 2004.

Para a atual candidatura democrata, a briga entre os senadores Barack Obama e Hillary Clinton continua acirrada, enquanto o senador republicano John McCain é tido quase certamente como o candidato da situação.

Nas eleições de 2000, Nader, que lançou a sua candidatura pelo Partido Verde dos Estados Unidos, conseguiu o apoio de cerca de 3 milhões de americanos, mais de 2% dos votos válidos.

Fator Flórida

A eleição foi tão disputada entre democratas e republicanos que se o democrata Al Gore tivesse poucos votos a mais ? principalmente no Estado da Flórida ? teria chegado à Casa Branca, em vez de Bush.

"Sou candidato a presidente", disse Nader em entrevista ao programa Meet the Press, da rede NBC.

Ele disse ainda acreditar que a maior parte dos americanos está decepcionada com os partidos Democrata e Republicano, que não estariam discutindo questões urgentes para o povo.

O povo estaria, segundo Nader, "trancafiado, isolado, marginalizado e desrespeitado".

Para ele, a capital americana, Washington, é um "território ocupado pelas grandes empresas" que estariam jogando o governo contra o seu próprio povo.

"Estraga prazeres"

Nader negou querer ser um candidato "estraga prazeres" e disse que quer ver se os três principais pré-candidatos vão ter a "coragem moral, a fortaleza de se insurgir contra os poderes corporativos e trabalhar pelo povo americano".

"Temos que passar o poder dos poucos para os muitos."

Nader tem 73 anos e nasceu em Connecticut, filho de um casal de imigrantes libaneses.

Formado por Harvard, ele dedicou a carreira como advogado a causas em defesa do consumidor e contra as grandes corporações.

Ele é considerado o principal responsável por ter obrigado, ainda na década de 60, a indústria automobilística a instalar na fábrica cintos de segurança e vidros temperados.

A partir da década de 70, ele se dedicou à defesa dos direitos dos trabalhadores, do meio ambiente e a reduzir o poder das grandes corporações nos Estados Unidos.

Fonte: (tiosam.com)