Publicado em 23/07/2008 as 12:00am

Lula diz que vai se manter longe das eleições municipais

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva sinalizou hoje que vai evitar ao máximo participar das campanhas eleitorais de outubro

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva sinalizou hoje que vai evitar ao máximo participar das campanhas eleitorais de outubro, Ao ser questionado sobre as eleições, Lula respondeu: "Eleições, tô Fora".

Ele afirmou ter dificuldade de fazer campanha porque tem "muitos aliados" em todos o país. A idéia do presidente é manter uma intensa agenda de viagem até as vésperas das eleições de outubro.

"Vou evitar ao máximo possível participar das eleições municipais, vou tentar fazer minhas viagens dentro do Brasil e fora. Vou deixar as eleições para os partidos e para os candidatos", disse.

Lula reconheceu que uma das dificuldades para subir em palanques é que tem vários aliados que disputam entre si nos mesmos locais. Para evitar o mal-estar na base de apoio do governo, o presidente vai se empenhar para escapar das campanhas.

"Afinal de contas, eu tenho muitos aliados disputando as eleições. O resultado é sempre assim: os que ganham acham que o mérito é deles, e os que perdem depositam nas minhas costas a derrota, porque eu não fui ou porque fui apoiar o outro [candidato]."

O presidente vetou ontem a participação dos ministros Dilma Rousseff (Casa Civil) e José Múcio Monteiro (Relações Institucionais) em palanques fora de seus Estados. No caso de Dilma, poderá fazer campanha apenas no Rio Grande do Sul, enquanto Múcio ficará limitado a Pernambuco.

Por autorização do presidente, os demais ministros estarão livres para participar de campanhas em quaisquer locais do Brasil.

Fonte: (Folha Online)