Publicado em 8/12/2014 as 12:00am

18 estados processam Obama pela Ordem Executiva

Dezoito estados, liderados pelo Texas, estão processando a administração Obama devido às recentes ações executivas que protegem cerca de 5 milhões de imigrantes da deportação.

Dezoito estados, liderados pelo Texas, estão processando a administração Obama devido às recentes ações executivas que protegem cerca de 5 milhões de imigrantes da deportação. "A Constituição rege que a política de imigração deve ser corrigida pelo Congresso e não por um decreto presidencial", disse o governador eleito do Texas, O Greg Abbott.

Abbott entrou com uma ação em um tribunal federal no Texas. Este processo conta com apoio dos estados do Alabama, Geórgia, Idaho, Indiana, Kansas, Louisiana, Maine, Mississippi, Montana, Nebraska, Carolina do Norte, Carolina do Sul, Dakota do Sul, Utah, West Virginia, Florida e Wisconsin.

O anúncio feito pelo presidente no dia 20 de novembro de que protegeria cinco milhões de imigrantes da deportação e ainda concederia “Work Permit” e “Social Security”. Os congressistas republicanos afirmaram que esta atitude de Obama, matou qualquer perspectiva de aprovar uma reforma ampla imigratória.

Em um comunicado, o Governador do Tecas disse que a ação de Obama "atropela" a Constituição. Já a porta-voz da Casa Branca, Brandi Hoffine, disse que as ações executivas estavam dentro os poderes do presidente e que não infringiram nenhuma lei.

"A Suprema Corte e o Congresso deixaram claro que as autoridades federais podem definir prioridades na aplicação das nossas leis de imigração, e estamos confiantes de que as ações executivas do presidente estão dentro de suas autoridades legais", disse ela.

Fonte: Da Redação