Publicado em 11/03/2015 as 12:00am

Brasileiros em Boston preparam manifesto "Fora Dilma"

Em Boston (Massachusetts), o manifesto vai acontecer no domingo (15), em frente ao Consulado Brasileiro, localizado no número 175 Purchase Street, às 2:00 p.m.

Com o apoio do “Movimento Brasil Livre”, um grupo na brasileira nos Estados Unidos vai promover um manifesto contra as ações de corrupção que estão manchando a imagem do Brasil. Os protestos vão ocorrer simultaneamente com o Brasil e a ideia é mostrar que algo está errado, “caso contrário não haveria tantos investigados, tantas denúncias e centenas de provas em vídeo, gravações entre outros”. O que mais revolta este grupo é que diante de tudo isso, as autoridades brasileiras continuam defendendo de que tudo é armação política.

Em Boston (Massachusetts), o manifesto vai acontecer no domingo (15), em frente ao Consulado Brasileiro, localizado no número 175 Purchase Street, às 2:00 p.m. O organizador Rafael de Paulo conversou com a redação do Brazilian Times e explicou como será o protesto e como a comunidade pode ajudar. “Estamos convidando a todos, pois será um ato pacífico, ordeiro e que tem objetivo único de mostrar que nós também estamos indignados com a atual situação política do Brasil”, afirma.

Rafael ressalta que o manifesto não vai fechar as ruas, não haverá “apitaço” e muito menos bagunça. “Nós estamos em outro país, mas não devemos deixar de mostrar nossa cidadania e defender o futuro do nosso Brasil. Só quem ama a nossa nação sabe do que estou falando”, continua. Ele afirma que o grupo vai se reunir diante do consulado e compartilharão sua indignação com tanto marasmo diante da corrupção brasileira.

Muitos criticam os brasileiros que moram no exterior e fazem manifestos contra a política brasileira, mas os organizadores explicam que não há mal algum uma pessoa demonstrar a sua insatisfação com algo que acontece em seu país, mesmo estando morando em outro. “Mas o que estes críticos precisam entender é que o fato de estarmos morando em terras distantes não eliminou nosso amor pelo Brasil e nossa vontade de vê-lo crescer”, fala.

No Brasil, centenas de cidades já estão prontas para acolher o manifesto e nos Estados Unidos, além de Boston, Miami também vai ser palco do movimento. Brasileiros que moram no Canadá, Áustria e Austrália já confirmaram a realização de protestos. “O que queremos é que todos se unam e mostrem que estão preocupados com o futuro do Brasil, pois é inadmissível viver à margem de políticos envolvidos em corrupção e ninguém fazer nada”, acrescenta.

Rafael explica que o protesto em Boston não é ligado ao Movimento Brasil Livre e que apenas conta com o apoio. “Quem quiser participar pode entrar em contato comigo e procurar saber como ajudar”, fala ressaltando que os manifestantes devem levar cartazes em português e em inglês. “Nosso objetivo é mostrar para a mídia internacional que o Brasil não está tão bem e que a maioria está insatisfeita com o rumo que o país tomou”, continua.

Ele é natural de Goiânia (Goiás), onde participava do Movimento Brasil Livre, o qual segundo ele, não tem vínculo partidário e nem conotação política. “Este manifesto será apenas uma reunião de pessoas que comungam da mesma causa”, conclui.

Os interessados em participar podem ligar para o telefone (857) 244-9919 e falar com Rafael para obter mais informações.

Antes mesmo do manifesto acontecer, alguns brasileiros já estão demonstrando sua insatisfação com a política brasileira. Uma destas pessoas foi o mineiro Rarython Sabara, que aproveitou uma parada na Rota 95 para expressar sua indignação. Ele exibiu um cartaz pedindo a saída de Dilma Rousseff da presidência do Brasil. A ação rendeu vários comentários nas redes sociais e centenas de notas de apoio pela iniciativa.

Fonte: Da Redação do Brazilian Times | Texto de Luciano Sodré

Top News