Publicado em 2/02/2015 as 12:00am

Brasileiro precisa de ajuda para continuar a viver

Erivelto Monteiro viveu 16 anos nos Estados Unidos e está em Conselheiro Pena

Mineiro de Conselheiro Pena, Erivelto Monteiro de Oliveira foi diagnosticado com câncer em agosto do ano passado. Desde então ele trava uma intensa luta contra a doença para manter-se vivo. Ele viveu na Flórida por 16 anos e quando soube que estava doente, decidiu voltar ao Brasil para enfrentar o problema ao lado dos familiares.

Na semana passada, Thaiza Oliveira, uma amiga dele deu entrevista ao jornal local da Florida e disse que “quando o mineiro foi diagnosticado, ele mesmo afirmou que se a doença fosse grave, preferia estar ao lado de sua família, que via há 16 anos”.

As informações que chegam à comunidade brasileira nos Estados Unidos é que o mineiro foi internado novamente, na semana passada e que está muito fraco. Isso porque ele passou por cinco sessões de quimioterapia. Infelizmente o câncer de Erivelton não regrediu e agora ele enfrenta efeitos colaterais, não consegue se alimentar direito e está se mantendo a base de soro.

Para ajudar no tratamento, alguns amigos se uniram na Florida e arrecadaram dinheiro para custear as despesas. O mineiro está internado em um hospital na cidade de Conselheiro Pena e divide o quarto com mais seus pacientes, não tem conforto e fica ao lado de uma janela que bate muito sol. O valor levantado servirá para transferi-lo para um quarto privado.

Através de uma divulgação feita nas redes sociais, Thaiza com a ajuda da promotora de eventos, Karol Eller, conseguiram levantar US$9.020 dólares no dia 26. NO dia seguinte, o mineiro já foi transferido de quarto.

A DOENÇA

Erivelton passou anos sofrendo de uma dor crônica de estômago, sempre diagnosticada como gastrite. Mas no dia 7 de agosto do ano passado, ele teve uma crise, e foi internado no hospital da cidade de Deerfield Beach. Depois de uma endoscopia, recebeu o diagnóstico de linfoma avançado. O tumor já media nove centímetros.

As pessoas que quiserem ajudar a custear o tratamento de Erivelton é só acessar a conta em nome de Eric Barbino, como ele chamado, que foi aberta para ele no Go Fund Me (www.gofundme.com/kv94q4). Ele também era conhecido por Eric Cabeleireiro e tinha muitos amigos e clientes na cidade.

Fonte: Da Redação