Brazilian Times

Publicado em 07 / 04 / 2012

Dana mantém Cigano defendendo cinturão no UFC 146 e Hendo aparece como possível rival

Dana mantém Cigano defendendo cinturão no UFC 146 e Hendo aparece como possível rival

Com Alistair Overeem flagrado do antidoping com uma quantidade absurda do metabólico do hormônio testosterona, a primeira defesa de cinturão dos pesados de Junior Cigano ficou em xeque, pelo menos para o fim do mês de maio. Mas Dana White logo veio a público para confirmar a luta do brasileiro.O presidente do UFC garantiu que Cigano vai estar na edição 146 do evento, marcada para o MGM Grand, em Las Vegas, no dia 26 de maio. No entanto, Dana ainda não sabe qual será o adversário do brasileiro.

Overeem ainda pode recorrer do caso de doping, mas dificilmente estará apto para lutar, já que em seu exame foi encontrada uma quantidade duas vezes maior que a aceita para a substância proibida. Agora, começa a disputa pela vaga.

O ex-campeão Frank Mir vem de uma boa série de vitórias, já está escalado para o UFC 146 para enfrentar Cain Velasquez, mas é o principal candidato para substituir o holandês. Até mesmo começou a fazer lobby pela disputa do cinturão.

Só que um novo nome apareceu. De olho de uma luta valendo título no UFC, o veterano Dan Henderson, de 41 anos, disse em sua conta no Twitter que aceitaria sem problemas subir para os pesados para enfrentar Junior Cigano.

Desde que voltou para o UFC no final do ano passado, quando venceu o brasileiro Mauricio Shogun em uma luta épica, Hendo está à espera de uma disputa de cinturão. Dana já havia lhe prometido enfrentar ou o vencedor Anderson x Sonnen, pelos médios, ou o vitorioso de Jones x Rashad, pelos meio-pesados.

Apesar de ter pouca experiência na categoria, Henderson vem de uma grande luta como peso pesado. Em julho do ano passado, nocauteou a lenda russa Fedor Emelianenko no Strikeforce.